Caçadores de Medula Óssea

Doar medulas é para aqueles que reconhecem o valor da vida!

Posted on: 01/03/2011

Juliana Rodrigues faleceu no dia 05/02/2011, pela manhã, em decorrência da ignorância de possíveis doadores que volutariamente se cadastraram para doar, mas, quando convocados “disistiram”. Antes de falecer, deixou esta carta com familiares para que fosse divulgada:

Curitiba/PR, 11 de novembro de 2010

 

Não seja apenas um cadastrado, Seja um “doador” de medula óssea. Meu nome é Juliana Rodrigues, 37 anos, casada, mãe de dois filhos (10 e 6 anos). Desde outubro/2009 fui acometida pela Leucemia Linfóide Aguda, doença que trás como sinônimo; internações, transfusões, restrições, separações,… Enfim, queixas iguais a de todos que passam por esse longo e doloroso tratamento em busca da cura.

O meu caso tem indicação de transplante de medula óssea e meus queridos irmãos infelizmente não são compatíveis comigo. Fui cadastrada no Registro de Receptor de Medula óssea (REREME), e no Registro de Doador de Medula Óssea (REDOME) encontramos o que não tinha conseguido em minha família, um doador compatível, e para minha grande surpresa não era apenas um, e sim dois 100% compatíveis comigo. Dá para imaginar a minha alegria e satisfação nesse momento? As estatísticas do INCA mostram a dificuldade em se encontrar um doador compatível fora da família, principalmente aqui no Brasil devido a nossa miscigenação, e eu descobri que tenho dois compatíveis.

Eu nem acreditava que meus problemas estavam perto de minimizar, e por que não dizer acabar? Considerando que o transplante de medula é minha única chance de cura. Mas infelizmente veio à notícia bombástica, um não podia doar por estar passando por problemas de saúde e o outro “desistiu de doar”. Essa possibilidade é imaginada, mas não é esperada, já que o indivíduo se cadastrou como doador voluntário de medula óssea sabendo exatamente a que estava se propondo que é doar esperança para depois doar vida, desistiu porque tinha “medo”… Meu Deus! Que sentimento é esse que chega ser superior ao de salvar o seu semelhante? Saber que estar em suas mãos fazer a diferença na vida de uma pessoa não foi suficiente para fazê-lo (a) vencer esse MEDO, refletir sobre o mandamento que Deus nos ensinou “AMARÁS O TEU PRÓXIMO COMO A TI MESMO”, talvez tivesse ajudado a vencer esse sentimento terrível que me negou a oportunidade da vida e o convívio com meus filhos, meu marido, meus pais, meus irmãos, meus familiares.

 Enfim com todos que eu amo e que fazem parte da minha luta constante pela sobrevivência. Assim, diante dessa situação por mim vivenciada, sinto necessidade de divulgar este desabafo e ao mesmo tempo apelo, objetivando que outros pacientes que esperam por um doador compatível, não venham passar por essa tristeza e frustração.

 Aconselho a todos que se cadastraram e aos que pretendem se cadastrarem como doador voluntário de medula óssea a terem plena consciência da responsabilidade que estão assumindo ao levar esperança para quem precisa. Isso não é brincadeira, são vidas que estão em jogo e que sua decisão pode fazer a diferença entre a vida e a morte de alguém. Assim, Não seja apenas um cadastrado, Seja um “doador” de medula óssea. Com esse gesto de amor e solidariedade ao próximo você salva vidas, o que é melhor, ainda em vida.

 

Juliana Rodrigues

 

Não conhecia a Juliana, recebi esta carta de um dos amigos dos Caçadores de Medula. Quando a li não pude deixar de refletir sobre a situação, doadores compatíveis é quase impossível de se achar, a chance é de uma em um milhão de brasileiros, literalmente. Juliana tinha em suas mãos a vida de volta, a chance de curar-se e voltar a viver, achou DOIS doadores 100% compatíveis, entretanto, por um simples medo os dois doadores se recusaram a doar. A dor da perda de sua vida, pela segunda vez, foi forte demais para que resistisse. E assim no dia 05/02/2011 faleceu e deixou esta carta escrita para que fosse usada na conscientização de pessoas que se cadastraram para doar medulas.

Se você é cadastrado como doador no REDOME e um dia for chamado para doar, saiba que você foi escolhido geneticamente entre um milhão de brasileiros! E isto é um privilégio! É um destino, não é coincidência apenas, você é um ser humano especial! Você carrega em si a cura para alguém! Não há dinheiro no mundo que pague a paz de espírito de um portador de leucemia ao encontrar o seu doador compatível!

E não há do que ter medo, você pode doar a medula pelo procedimento corriqueiro que é a coleta pelo osso da bacia, recebendo para isto anestesia local e no mesmo dia receberá alta para que volte a sua rotina diária. Ou, poderá escolher um procedimento chamado aférese, no qual se toma um medicamento que libera as medulas para a corrente sanguínea , precisando apenas após este procedimento, que você doe uma bolsa de sangue. Os dois procedimentos são indolores e seguros, no primeiro você pode optar por dormir e acordar quando a coleta terminar e no segundo nem preciso dizer que é igual a doar sangue, a diferença é que você tomará uma medicação semanas antes de doar a bolsa de sangue.

Agora me diz, qual é o medo? Espero que as pessoas que se recusaram a doar a medula para Juliana, nunca se arrependam pelo que permitiram que a  ignorância acerca do assunto causasse. A ignorância, venceu a vida!  Era só perguntar aos profissionais do REDOME, era só ler sobre o assunto, trocar informações com quem já doou, eles teriam o prazo de um mês para conhecer os procedimentos, pois durante esse período eles estariam fazendo os exames de check up para avaliar seu estado de saúde e aptidão para a doação. Os exames sim, determinariam se o caso de saúde impediriam a doação. É lamentável, tudo o que aconteceu!

 Sinceramente não sei mais o que escrever!

Só peço a todos, que ao se cadastrarem no REDOME considerem a hipótese de serem chamados para doar! Embora a chance seja ínfima, você pode ser o doador compatível que o REDOME procura. Pense sobre isto antes de se cadastrar e pense no que pode ocorrer, se, você, por “medinho”, se recusar! Estamos falando de vida e se por algum momento ou apelo emocional, você decidiu se cadastrar, pense, você pode corregar a cura! Então, esteja pronto, para aquilo que se prontificou voluntariamente a fazer!

 

Esta convocação para doar medula ósseas é para aqueles que reconhecem o valor de uma vida!

É para os fortes!

É para homens e mulheres de valores!

Anúncios

5 Respostas to "Doar medulas é para aqueles que reconhecem o valor da vida!"

Olá meu nome é Agnaldo , estava pensando em ser doador de medula óssea mas uma noticia me assustou , uma moça de 21 anos morreu em são Paulo devido a complicações no procedimento, terei que repensar.

Bom… eu tbm acabei de ver essa notícia na internet, mas mesmo assim não deixaria de ser doadora, só de imaginar que vc pode por um procedimento tão simples dar vida a uma pessoa!! Cara são 100mil em 1 as chaces de se achar um doador no Brasil… temos pessoas que passam anos aguardando um doador e chegam a morrer… eu sinceramente tenho mais pena da garotinha que perdeu sua doadora compatível… só não entendi uma coisa, pq a moça colocou um cateter para realizar a coleta da medula!

Acabei de mim escrever, e da mesma forma que me escreve com coragem, se assim O Deus todo poderoso me permitir, vou doar com muita coragem!!!!

Anderson Chicó,

Sua atitude, me emociona!

Beijos,

Andréia Kely
Caçadores de Medula

pow Eo sou doador. e ainda minha familha toda , jah levamos uns 50 pessoas essa semana para tentar salvar o meu irmao.todos estrarao no banco de doadores ,si nao for salvar a vida do meu irmao que salve de outra pessoaa.ainda gostaria de levar mas gente.mas ta dificil pq a coleta fica muito longe da minha cidade 😦

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Medulas ósseas transportam amor!

A medula transporta amor!

Caçadores de Medula Óssea

Olá, meu nome é Andréia Kely!

Criei o blog Caçadores de Medula Óssea a fim de reunir todas as informações sobre campanhas de doação de medula óssea, bem como interagir como uma ferramenta educativa, explicativa, esclarecedora e motivadora para todos os que entendem a grandiosidade de doar vida!
Dedico este blog a todos que vivem ou já viveram com diagnósticos de leucemia e doenças do sangue!
Sejam bem vindos, a grande corrente pela vida!

Lembrem-se sempre: Basta apenas uma gota de seu sangue, para que a vida aconteça novamente! A VONTADE é a maior POTÊNCIA do MUNDO!
Aproveitem o seu dia!

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 2.184 outros seguidores

Leia também os posts antigos

Posts por Categoria

Siga-me no Twitter!

Principais acessados

  • Nenhum

MedVidas – Planos de Saúde, Seguros de Vida

Saúde à Vida

Saúde à Vida

Blog Voluntário



<BannerFans.com






Pensar ECO
Coloque um V em sua foto!
http://avidadependedeumgesto.blogspot.com/
%d blogueiros gostam disto: